Coenzima Q10 e perfil metabólico em mulheres com Síndrome do Ovário Policístico

A Síndrome do Ovário Policístico (SOP) é o distúrbio endócrino mais comum entre mulheres em idade fértil, em decorrência da formação exacerbada de cistos, que modificam a estrutura histológica ovariana. Esta disfunção pode estar correlacionada com a secreção aumentada de andrógenos, que leva a sintomatologia característica – como o crescimento anormal de pelos, manchas na pele e queda de cabelo1,2 .

A síndrome metabólica é outra condição atrelada a SOP. Diversos estudos correlacionam a SOP com resistência à insulina e outras alterações no metabolismo glicídico, dislipidemias e aumento da inflamação sistêmica, que influencia, diretamente, na gravidade do quadro. Desta forma, sugere-se que o tratamento para a SOP seja acompanhado por estratégias nutricionais voltadas para otimizar a condução das vias metabólicas3,4.

A coenzima Q 10 é um nutriente utilizado no metabolismo glicídico e lipídico, sendo deficiente em casos de Síndrome Metabólica – quando não tratada. Desta forma, um grupo de pesquisadores avaliou a ação da suplementação de coenzima Q 10 em mulheres diagnosticadas com SOP, que haviam riscos de desenvolvimento de alterações metabólicas5.

Após 12 semanas de suplementação de 100 mg de Coenzima Q10, os autores verificaram aumento da sensibilidade à insulina e redução nos níveis de colesterol total e LDL (lipoproteína de baixa densidade)5. Assim, a suplementação de coenzima Q10 pode complementar outras estratégias utilizadas para a Síndrome Metabólica e SOP, promovendo mais saúde e qualidade de vida às mulheres que apresentam estes distúrbios.

Importante também garantir boas fontes alimentares de coenzima Q10, que pode ser encontrada em alimentos como sardinha, carnes, oleaginosas, brócolis e espinafre!

 

Referências Bibliográficas

  1. LEGRO, R.S. Ovulation induction in polycystic ovary syndrome: current options. Best Pract Res Clin Obstet Gynaecol; 37:152-159,2016.
  2. BLAY, S.L.; AGUIAR, J.V.; PASSOS, I.C. Polycystic ovary syndrome and mental disorders: a systematic review and exploratory meta-analysis. Neuropsychiatr Dis Treat;
  3. KEPCZYNSKA-NYK, A.; MUSZEL, M.; RADZISZEWSKI, M. et al. Women 19-old with hirsutism, obesity and acanthosis nigricans. Pol Merkur Lekarski; 41(243):141-144,2016.
  4. OLIVEIRA, F.R.; REZENDE, M.B.; FARIA, N.F. et al. Associação entre lipid accumulation product (LAP) e hirsutismo na Síndrome do Ovário Policístico. Rev Bras Ginecol Obstet; 38(2):71-6,2016.
  5. SAMIMI, M.; MEHRIZI, M.Z.; FOROOZANFARD, F. et al. The effects of coenzime Q10 supplementation on glucose metabolism and lipid profiles in women with polycystic ovary syndrome: a randomized, double-blind, placebo-controlled trial. Clin Endocrinol;

Você também pode gostar de: